sexta-feira, 28 de junho de 2013

Quinteiro e autoridades maringaenses agilizam situação da 9ª SDP


Em articulação com a secretaria de Justiça do Paraná representada pelo diretor geral Leonildo de Souza Brota e a chefe do sistema integrado de informação Marcilene Zambianco,durante reunião na manhã desta sexta-feira (28) no Fórum de Maringá, o deputado Wilson Quinteiro conseguiu a transferência de 242 presos que se encontram  no minipresídio da 9ª Subdivisão da Polícia Civil (SDP) para penitenciárias estaduais.

Atualmente a delegacia não oferece condições seguras para abrigar cerca de 350 presos que lá estão, já sofreu interdição por decisão judicial, pois é destinada exclusivamente a presos provisórios, no entanto cerca de 70% da sua população carcerária é composta por presos com condenações transitadas em julgado.


Segundo o Cel. Rodrigues do Conseg de Maringá o resultado foi acima do esperado: “É muito difícil tratar deste assunto, a articulação política do deputado Wilson Quinteiro foi primordial para resolver este problema que poderia ter sido um processo muito demorado” explicou.

Participaram também da reunião representantes da OAB, Ministério Público, universidades, juízes criminais e penais, defensoria pública, o Coronel do 4° Batalhão Antonio Padilha, o delegado chefe da 9ª SDP Osnildo Lemes, agentes penitenciários, e também representantes do executivo e legislativo municipal de Maringá.



Para o deputado Quinteiro a reunião foi muito ampla, pois além de amenizarem a situação da SDP também definiram a realização de um mutirão com a Defensoria Pública para atualizar os processos dos presidiários. “Este foi um trabalho em conjunto de muitos setores estaduais e municipais em busca de um objetivo comum que é melhorar a situação carcerária de Maringá e região” disse Quinteiro.




Quinteiro acompanha assinatura de decreto que prevê atendimento à municípios em situação de emergência por causa das chuvas



O deputado Wilson Quinteiro acompanhou o governador Beto Richa na manhã desta sexta-feira (28), em Maringá,  na assinatura do decreto número 8.460/13, que estabelece situação de emergência em 59 municípios paranaenses mais atingidos pelas chuvas intensas dos últimos dias. Com o decreto, as prefeituras passam a contar com prazo de 180 dias para contratar serviços emergenciais com menos trâmites burocráticos. As prefeituras farão um levantamento dos danos provocados pelas chuvas e elaborarão plano de trabalho, que será encaminhado ao Governo Federal, para liberação de recursos. 



“O Estado também vai liberar recursos para as cidades atingidas e dar todo o apoio necessário. O governo está mobilizado para atender de forma emergencial à população”, afirmou Beto Richa, ao assinar o decreto, em Maringá, junto com o chefe da Casa Militar do Governo e coordenador estadual da Defesa Civil, coronel Adilson Castilho Casitas.


Richa está no Noroeste desde quinta-feira. Ele sobrevoou a região do entorno de Paranavaí e esteve em municípios mais duramente atingidos pela cheia do rio Ivaí, como Mirador, Guaporema e Japurá. Nesta sexta-feira, Richa cumpre agenda em mais cinco municípios da região.

Fonte:AEN

quinta-feira, 27 de junho de 2013

Quinteiro integra comissão que vai coordenar processo de eleição do novo conselheiro do TCE


Indicado pela liderança do PSB o deputado Wilson Quinteiro fará parte da Comissão Especial (CE) da Assembleia Legislativa que vai coordenar o processo de escolha do novo conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE), na vaga aberta com a aposentadoria de Hermas Brandão. 



A Comissão se manifestará sobre as candidaturas ao cargo de conselheiro no prazo de três dias após o encerramento das inscrições. Caberá à Comissão Especial, através de resolução de seu presidente, estabelecer o cronograma para as sabatinas dos candidatos, assinalando prazos para defesa dos que tiverem suas candidaturas questionadas.

Também são membros titulares da CE os deputados : Caíto Quintana (indicado pelo PMDB),Francisco Bührer (indicado pelo PSDB), Elio Rusch (indicado pelo DEM) e  Tadeu Veneri (indicado pelo PT).

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Autoridades municipais e estaduais reúnem-se para resolver situação carcerária de Maringá

O deputado Wilson Quinteiro convida a imprensa para acompanhar reunião na próxima sexta-feira (28) às 9:30h no Fórum de Maringá, para tratar de assuntos de segurança pública para o município, em especial buscar soluções para a situação carcerária da 9ª SDP, que se encontra com superlotação, e sem condições seguras para abrigar cerca de 350 presos que estão lá.

Participarão da reunião representantes da secretaria de Justiça, OAB, Ministério Público, universidades, juízes criminais e penais, a defensora pública geral Josiane Lupion, o Coronel do 4° Batalhão Antonio Padilha, o delegado chefe da 9ª SDP Osnildo Lemes, agentes penitenciários, e também representantes do Conseg, do executivo e legislativo municipal de Maringá.


Segundo o deputado Quinteiro a pauta principal será a transferência dos presos da 9ª SDP para penitenciárias estaduais, a reforma da Casa de Custódia de Maringá e também a criação de um mutirão de atualização de processos.

Quinteiro comemora liberação de recursos do PAM a mais 28 prefeituras




Quinteiro acompanhou solenidade nesta terça-feira (25), em solenidade no Palácio Iguaçu,onde o  governador Beto Richa autorizou a liberação de recursos a fundo perdido para mais 28 prefeituras. O dinheiro é do Plano de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios (PAM) e é aplicado em projetos definidos pela população. 

No total, o PAM repassa R$150 milhões a municípios com até 50 mil habitantes. Atendem a esse critério 367 municípios paranaenses. Destes, 281 já apresentaram os projetos e estão autorizados a receber o dinheiro. Os recursos do PAM são provenientes de devolução orçamentária da Assembleia Legislativa, que, pela economia feita pelos deputados e pela casa em geral, conseguiu devolver o valor para que fosse investido pelo Poder Executivo na melhoria de vida nas pequenas cidades. 

"Esta economia realizada por todos os deputados da Casa mostra nossa preocupação com o desenvolvimento do interior, o repasse diretamente aos prefeitos dá oportunidade de cada gestor investir exatamente onde o município precisa", falou Quinteiro.

“O PAM está entre as inúmeras iniciativas do governo estadual para dar aos prefeitos maior capacidade de resposta às necessidades de suas populações”, disse o governador Beto Richa. “Esses programas confirmam o caráter municipalista deste governo, sensível às demandas dos prefeitos, especialmente neste período de queda nos repasses federais”, afirmou.


Matéria redigida com informações da AEN

terça-feira, 25 de junho de 2013

Em reunião com Dilma, Richa pede mais investimento em saúde



O governador Beto Richa participou da reunião convocada pela presidente Dilma Rousseff com governadores e prefeitos das capitais em Brasília, nesta segunda-feira (24), no Palácio do Planalto. Richa propôs na reunião que o governo federal invista pelo menos 10% de suas receitas em saúde. 

“O que mais estamos vendo é o pedido geral da população por uma saúde de melhor qualidade. Em função disso, estou desde já tratando com outros governadores que essa proposta seja apoiada por outros estados também”, disse Richa.

Fonte:AEN

Quinteiro participa de homenagem na Assembleia aos 105 anos da imigração japonesa



Com a presença de um grande número de representantes da comunidade nipo-brasileira, a Assembleia Legislativa realizou sessão solene na tarde desta segunda-feira (24) para lembrar os 105 anos da imigração japonesa no Brasil. A iniciativa do evento foi do deputado Teruo Kato (PMDB), que justificou a proposta destacando a contribuição da colônia nipônica para o desenvolvimento do país, do Paraná e de algumas regiões especiais do nosso estado, além da cultura e da culinária hoje muito presentes na vida de todos os brasileiros.

Para o deputado Wilson Quinteiro esta homenagem é justificada pela imensa contribuição da comunidade japonesa ao desenvolvimento do Brasil.



“O Brasil ofereceu um recomeço aos imigrantes japoneses e em contrapartida eles contribuíram intensamente para o desenvolvimento do país, com sua cultura milenar, marcada pela valorização da honestidade, disciplina e trabalho. O Brasil e o Japão, apesar de tão distantes geograficamente, desfrutam hoje de uma excelente relação diplomática, marcada por intensa cooperação econômica e intercâmbios culturais e esportivos”, afirmou o parlamentar.


Várias personalidades de destaque foram homenageadas no encontro, que serviu também para o lançamento do livro “Imin Sempre”, do jornalista e escritor londrinense Domingos Pellegrini. A obra é especialmente dedicada ao deputado federal Antonio Ueno, morto em 2011 e considerado responsável pela instalação de dezenas de empresas japonesas no Paraná, com excelentes resultados na ampliação do intercâmbio Brasil-Japão. Uma apresentação especial do grupo Wakaba Taiko, de Curitiba, complementou a cerimônia.



Imin Sempre – Idealizado e coordenado por Luiz Carlos Adati e Mahoko Kasuya, com pesquisa e redação de Domingos Pellegrini, o livro enaltece o legado cultural dos imigrantes que aqui chegaram à bordo do navio Kasato- Maru, os laços da amizade Brasil-Japão, a celebração do primeiro centenário da imigração, além de relatar a trajetória de líderes que se destacaram em várias áreas de atividade, como o artista plástico Claudio Seto ou o médico, ex-deputado e coordenador geral da Coordenação da Região Metropolitana de Curitiba, Rui Hara. Tudo isso permeado por poemas, hai-kais e gravuras típicas da arte japonesa.


Pela contribuição dada ao desenvolvimento do Estado, a Assembleia homenageou durante a solenidade o ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Fernando Eizo Ono; o presidente do Tribunal Regional Federal da 4ª Região, Tadaaqui Hirose; o empresário da construção civil de Londrina, Atsushi Yoshii; o empresário industrial e do setor de máquinas em Curitiba, Hirofumi Nakagiri; o industrial do setor metalúrgico de Maringá, João Noma; e o escritor Oscar Fussato Nakasato, vencedor do Prêmio Jabuti de 2012 com o romance “Nihonjin”.


Fonte:Alep


segunda-feira, 24 de junho de 2013

Cavalgada de Farol


Aproximadamente 1.000 integrantes participaram na manhã de domingo, da cavalgada de Farol, que contou com a participação de comitivas de várias regiões da COMCAM e do Paraná, inclusive com cavaleiros vindos do Estado de Goiás. A chuva fina que caiu na manhã de domingo não intimidou aos cavaleiros, que fizeram o percurso de 14 quilômetros com muita alegria.

A cavalgada saiu do Parque de Exposições, passou pelo centro e ruas da cidade, tomando rumo até a estrada do Cruzeirinho e Água da Fartura, retornando ao Parque de Exposições.
No encontro, estive presente o Deputado Estadual Wilson Quinteiro, que participou de toda as etapas do evento. Wilson que atua na região de Maringá, disse que se sentiu muito feliz com a hospitalidade dos farolenses e que está à disposição da administração de Angela Kraus junto à Assembleia Legislativa do Paraná.



Após a cavalgada, cavaleiros e simpatizantes participaram de um almoço festivo no Parque de Exposições, onde foram realizadas homenagens para alguns percursores do movimento, regado ao som de muita música raiz.

A prefeita Angela Kraus, destacou que a Cavalgada de Farol já é tradicional, conquistando o carinho das comitivas pela organização e pela calorosa receptividade dos farolenses. Ela agradeceu à participação de todos os cavaleiros e já convidou as comitivas para retornarem no ano que vem.




Fonte:Site município de Farol

sexta-feira, 21 de junho de 2013

PEC recebe parecer favorável em Comissão Especial e pode ir a Plenário



A Comissão Especial de Reforma à Constituição, sob a presidência do deputado Wilson Quinteiro (PSB), realizou na quarta-feira (19), na Assembleia Legislativa, uma reunião para apreciar a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) nº 2/2013, que dispõe sobre a composição de desembargadores no Órgão Especial do Tribunal de Justiça. De autoria do deputado Valdir Rossoni (PSDB), presidente do Legislativo, a PEC que altera a redação do parágrafo único do artigo 94, da Constituição do Estado, recebeu parecer favorável, estando em condições de ser submetida à votação em Plenário.

Na reunião, a Comissão aprovou o parecer do relator, deputado Elio Lino Rusch (DEM), que apontou não haver óbice quanto à sua constitucionalidade, legalidade e legitimidade. Rusch informou também que não houve a apresentação de emendas parlamentares no prazo estipulado pelo artigo 190 do Regimento Interno. Ato contínuo, o parecer foi submetido à discussão e votação, sendo aprovado por unanimidade. Na ata da reunião, publicada no Diário Oficial nº 447 (do dia 19 de junho), a Comissão informa que a PEC está “em condições de ser remetida ao presidente da Assembleia para ser incluída na Ordem do Dia”.

De acordo com a PEC, publicada na edição nº 441 do Diário Oficial (do dia 11 de junho de 2013), o parágrafo único do artigo 94 da Constituição Estadual passará a ter a seguinte redação: “No Tribunal de Justiça haverá um Órgão Especial, com o mínimo de 11 e o máximo de 25 membros, para o exercício das atribuições administrativas e jurisdicionais delegadas da competência do Tribunal Pleno, provendo-se a metade das vagas por antiguidade e a outra metade por eleição, pelo Tribunal Pleno”. Hoje esse parágrafo estabelece que “no Tribunal de Justiça haverá um Órgão Especial, integrado por vinte e cinco desembargadores, para o exercício de atribuições administrativas e jurisdicionais, delegadas da competência do tribunal pleno, provendo-se a metade das vagas por antiguidade e a outra metade por eleição pelo Tribunal Pleno” (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 16, de 26/10/2005).

Em relação ao mérito, o relator explica que “a Proposta de Emenda à Constituição do Estado foi apresentada com o objetivo de compatibilizar a previsão estabelecida no parágrafo único do artigo 94 da Constituição Estadual com o preconizado no inciso XI do artigo 93 da Constituição Federal, quanto à composição dos Órgãos Especiais dos Tribunais de Justiça do país, tendo em vista que a Carta Magna faculta a composição dos Órgãos Especiais dentro de um limite mínimo e máximo de membros e a Constituição Estadual define tal composição em numerus clausus” (número fechado, fixo). Portanto, “a Proposta de Emenda à Constituição em comento tem por escopo compatibilizar o texto constitucional com relação à composição do Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná, possibilitando que se fixe limite mínimo e máximo de membros, visando, com isso, conferir maior eficácia ao princípio da simetria constitucional”, conclui o relatório.

Além de Quinteiro e Rusch, participaram da reunião os deputados Ênio Verri (PT), Francisco Bührer (PSDB) e Nereu Moura (PMDB).

Fonte:Alep

Discurso deputado Wilson Quinteiro na Assembleia Legislativa dia 18 de junho onde falou sobre a situação da 9ª Subdivisão da Polícia Civil




quinta-feira, 20 de junho de 2013

Quinteiro preside PEC que garante autonomia ao Judiciário para fixar número de desembargadores do Órgão Especial


Indicado pela presidência da Assembleia Legislativa do Paraná, na última quarta-feira (19), o deputado Wilson Quinteiro presidirá a Comissão Especial que apreciará a Proposta de Emenda a Constituição - PEC nº 2/13 que altera a redação do parágrafo único do artigo 94 da Constituição do Estado do Paraná, que trata da composição de desembargadores do Órgão Especial do Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR).


De acordo com a PEC: “No Tribunal de Justiça haverá um Órgão Especial, com o mínimo de 11 e o máximo de 25 membros, para o exercício das atribuições administrativas e jurisdicionais delegadas da competência do Tribunal Pleno, provendo-se a metade das vagas por antiguidade e a outra metade por eleição, pelo Tribunal Pleno”. Hoje esse parágrafo estabelece que “no Tribunal de Justiça haverá um Órgão Especial, integrado por vinte e cinco desembargadores, para o exercício de atribuições administrativas e jurisdicionais, delegadas da competência do tribunal pleno, provendo-se a metade das vagas por antiguidade e a outra metade por eleição pelo Tribunal Pleno”. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 16, de 26/10/2005).


Para Quinteiro, esta PEC dará mais autonomia ao Poder Judiciário: “Esta PEC confere autonomia ao Poder Judiciário para fixar o número de desembargadores do seu Órgão Especial que julgarem necessário”, disse.

Na justificativa da proposta Rossoni argumenta que a PEC tem por objetivo compatibilizar a previsão estabelecida no parágrafo único do artigo 94 da Constituição Estadual com o preconizado no inciso XI, do artigo 93 da Constituição Federal, no que respeita à composição dos Órgãos Especiais dos Tribunais de Justiça do país. Acrescenta que a previsão da Carta Magna faculta a composição dos Órgãos Especiais dentro de um limite mínimo e máximo de membros, ao contrário da previsão estadual que está definida em numerus clausus (número limitado).

Além de Quinteiro foram indicados pelas lideranças partidárias para compor essa comissão os seguintes deputados: Nereu Moura (PMDB), Francisco Bührer (PSDB), Elio Lino Rusch (DEM) e Ênio Verri (PT) e Wilson Quinteiro (PSB). Como suplentes estão relacionados os deputados Alexandre Curi (PMDB), Cantora Mara Lima (PSDB), Nelson Justus (DEM), Tadeu Veneri (PT) e Hermas Brandão Junior (PSB).

Matéria redigida com informações da imprensa da Assembleia Legislativa

quarta-feira, 19 de junho de 2013

Vereadores de Carlópolis



Acabo de receber em meu gabinete a visita dos vereadores de Carlópolis: Jorge Damin, Ivete Machado,Marcio Furlan e Rafaela Machado.Faremos uma grande parceria de trabalho por Carlópolis!

terça-feira, 18 de junho de 2013

Governador apoia manifestações e condena atos de vandalismo



O governador Beto Richa disse nesta terça-feira (18/06) que apoia manifestações públicas em prol dos interesses da população, mas que os atos de vandalismo registrados na noite de segunda-feira (17) contra o Palácio Iguaçu, em Curitiba, merecem o repúdio da sociedade paranaense e não representaram a vontade da maioria das pessoas que participaram da manifestação.

“É lamentável que uma manifestação pacífica e democrática, com a participação de grande número de pessoas que reivindicava suas propostas e apresentava suas ideias, terminou com atos de vandalismo contra o patrimônio público”, disse Beto Richa. 

Cerca de 10 mil pessoas participaram da passeata em Curitiba. No final do ato, um grupo isolado tentou invadir a sede do executivo estadual, o Palácio Iguaçu. Um portão e diversas vidraças foram quebrados e paredes do prédio foram pichadas. “Os próprios manifestantes, pessoas de bem, repudiaram a atitude dos baderneiros, e limparam as paredes externas do Palácio”, afirmou Richa.

RECONHECIMENTO O governador disse que a série de manifestações que ocorreram em outras cidades do Estado e do País tem todo o apoio e reconhecimento do governo estadual. “Foi como uma panela de pressão que explodiu. Dentro continha muitas insatisfações da população, acumuladas ao longo dos últimos anos”, destacou Richa. 

Ele disse que a gota d’água para a realização do ato foi o aumento da tarifa de ônibus em Curitiba, associada ao sentimento de insatisfação da população com a conduta de políticos, o processo do mensalão e a falta de sintonia dos governantes com os legítimos interesses da população. 

“Eu sou o único governador no País que reduziu a tarifa do transporte público e promoveu condições aos prefeitos das grandes cidades do Paraná poderem fazer o mesmo. Todos os prefeitos das cidades paranaenses que foram beneficiadas com a isenção do ICMS sobre óleo diesel reduziram a passagem do ônibus”, disse Richa.

Fonte:AEN

Quinteiro discute situação da 9ª SDP com delegados da Polícia Ciivil


Quinteiro recebeu em seu gabinete na manhã desta segunda-feira (17), os delegados da Polícia Civil, Marcus Michelotto, Marco Lagana, Julio Reis e Francisco Costa, que vieram tratar de temas sobre segurança pública, uma vez que o deputado Wilson Quinteiro é vice-presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa.

No mesmo momento Quinteiro aproveitou para levantar aos delegados a situação de calamidade  da 9ª SDP em Maringá, que se encontra com superlotação e parte da estrutura destruída, e reivindicar  para que os presos que do minipresídio sejam transferidos para unidades destinadas a cumprimento de pena já que a 9ª SDP é para ser apenas local de prisão provisória.

segunda-feira, 17 de junho de 2013

Quinteiro trabalha para resolver situação da 9ª Subdivisão da Polícia Civil


Com superlotação e parte da estrutura destruída, o minipresídio da 9ª Subdivisão da Polícia Civil (SDP) não oferece condições seguras para abrigar cerca de 350 presos que lá estão. A delegacia que já sofreu interdição por decisão judicial, é destinada exclusivamente a presos provisórios, no entanto cerca de 70% da sua população carcerária é composta por presos com condenações transitadas em julgado.

Em virtude desta situação de calamidade dentro da 9ª SDP, o deputado Wilson Quinteiro que é vice-presidente da Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa participou na última sexta-feira (14), a convite do Presidente do Conseg de Maringá, Antônio Tadeu Rodrigues, de reunião na sede da ACIM juntamente de autoridades locais, como juízes, vereadores, o vice-prefeito Cláudio Ferdinandi, representantes do Ministério Público, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), delegados e Associação Comercial e Empresarial de Maringá (ACIM), entre outras autoridades, para tratarem de soluções para a situação do local.

“Toda a situação prisional é importante, mas o foco hoje esta na 9ª SDP, realizarei um diálogo direto com o governador para tentar reverter esta situação de forma urgente”, afirmou Quinteiro.

No mesmo dia, em evento com a presença do governador, Quinteiro solicitou ao governador Ações para remoção dos presos com condenação definitiva da Casa de Custódia de Maringá para as unidades destinadas a cumprimento de pena, de forma a conservar os direitos humanos dos presos condenados. Richa afirmou que tem conhecimento dos problemas e que estudará a melhor solução para o município.





Em Campo Mourão,deputado Quinteiro participa de lançamento da 23ª Festa Nacional do Carneiro no Buraco


O deputado estadual Wilson Quinteiro participou na última sexta-feira (14) do lançamento da 23ª Festa Nacional do Carneiro no Buraco no município de Campo Mourão. A festa  será realizada juntamente com a Exposição Feira Agropecuária, Comercial  e Industrial, de  9 a 14 de julho no Parque de Exposições Getúlio Ferrari, em uma promoção do Município de Campo Mourão em parceria com o Sindicato Rural, entidades e patrocinadores. 
Quinteiro destacou o desempenho das parcerias que promovem o evento e atraem público de diversas regiões. "A união de forças para a realização deste evento trás muitos benefícios ao desenvolvimento econômico do município, atraindo turistas dos mais diversos locais afim de desfrutar das atrações desta grande festa gastronômica", afirmou.
A prefeita Regina Dubay  lembrou do esforço de toda a equipe organizadora, patrocinadores e parceiros dizendo que a festa e feira 2013 terá sucesso garantido. A prefeita também aproveitou a oportunidade para mencionar conquistas de Campo Mourão. “Teremos seis dias de festa com portões abertos e uma programação variada. O sucesso é garantido pela tradição e prestigio de nossa população”, disse a prefeita.



Quinteiro se coloca a disposição do prefeito de São João do Ivaí


O deputado estadual Wilson Quinteiro visitou o prefeito de São Jõao do Ivaí, Fábio Hidek ,na tarde de quinta-feira (06). O encontro aconteceu no gabinete do executivo e o deputado aproveitou para expor um pouco do seu trabalho pelas regiões de Campo Mourão e Vale do Ivaí, como também se colocou a disposição do município para buscar recursos junto ao governo do Estado.

Hidek afirmou ao deputado que o município está de portas abertas para receber convênios e apoios. “Todos que querem ajudar São João do Ivaí são bem vindos”, frisou. Quinteiro firmou compromisso em buscar investimentos para o desenvolvimento do município nos mais diversos setores. “Vamos pleitear recursos para a educação, esporte e saúde. Agradeço o prefeito pela recepção e por aceitar nossa ajuda”.

Fonte:Folha do Ivaí

Com apoio do Estado, Maringá integra transporte e reduz tarifa



O deputado Wilson Quinteiro acompanhou o governador Beto Richa e o prefeito de Maringá, Roberto Pupin, em anuncio da integração do transporte coletivo metropolitano de Maringá com as de Sarandi e Paiçandu e a redução de R$ 0,10 (dez centavos) nas tarifas do transporte púbico municipal e metropolitano na última sexta-feira (14). O desconto no preço da passagem será aplicada a partir deste domingo (16). Maringá tem 65 linhas, 282 ônibus e atende mais de 3 milhões usuários/mês. "O Paraná deu um passo adiante no transporte coletivo,sendo um dos únicos estados do país a estar reduzindo a passagem de ônibus,mas um exemplo de seriedade e comprometimento do governador com a população", falou Quinteiro

“O Paraná hoje dá um exemplo para o Brasil. Em Maringá, principalmente, com a implantação da integração metropolitana com redução de tarifa”, disse o governador. Os avanços foram possíveis em razão da isenção dada pelo governo estadual na cobrança do ICMS sobre o óleo diesel do transporte, além da desoneração de outros impostos que atendem o setor, como o ISS do município e o PIS e COFINS do governo federal.

O governador disse que com a isenção do ICMS, o Estado dá condições para que outras grandes cidades do Paraná consigam reduzir suas passagens. Além de Maringá, Londrina, Ponta Grossa e Guarapuava já anunciaram a redução das tarifas em seus municípios. 


Richa citou as manifestações em São Paulo e no Rio de Janeiro em função do aumento da passagem. “No Paraná todos os grandes municípios estão baixando a passagem. Resultado de uma gestão competente com eficiência e ousadia”, disse o governador, ao lembrar que a isenção de ICMS era um compromisso do plano de governo. “Quando eu anunciei o incentivo eu pedi aos prefeitos que benefício fosse repassado aos usuários”, afirmou.

Fonte:AEN

Do maringá manchete...

O Comandante do 4º Batalhão da Polícia Militar, Tenente Coronel Antonio Roberto dos Anjos Padilha, se tornou sem dúvida o "homem forte da PM, ao conseguir se manter no comando da instituição.Na sequência de fotosele está ao lado do deputado estadual Wilson Quinteiro, um dos responsáveis juntamente com outras lideranças, pela sua permanência em Maringá.

sexta-feira, 14 de junho de 2013

Deputado Quinteiro propõe criação da Semana Estadual de Combate à violência contra mulher

Confira entrevista:

Legislativo participa de solenidade de anúncio da redução da tarifa do transporte coletivo em 17 municípios

O Poder Legislativo participou do anúncio pelo Governo do Estado da redução da tarifa do transporte coletivo nos municípios da Região Metropolitana de Curitiba que não fazem parte da Rede Integrada de Transporte (RIT), na tarde desta quarta-feira (12), no Palácio Iguaçu. A medida vai assegurar o abatimento linear de R$ 0,10 nas passagens, em 17 municípios e 81 linhas do sistema. Os deputados estaduais participaram da solenidade.
“Apresentamos hoje a decisão do nosso governo. Momento de alegria e satisfação. Como homem público, estou cumprindo o compromisso assumido no nosso plano de governo para garantir a tarifa justa à população. Quando fui prefeito, uma das medidas que tomei foi justamente baixar a tarifa do transporte. E agora estamos reduzindo em R$ 0,10 a passagem para aqueles municípios que não são integrados. É o olhar especial para a população mais carente e que mais precisa do governo”, afirmou Richa.

Fonte: Alep

Audiência pública na Assembleia defende promoção de políticas em defesa dos animais

A definição de políticas públicas, a atualização e o aperfeiçoamento do Código de Defesa dos Animais e a criação de instrumentos mais efetivos para o recolhimento de animais de tração em situações de risco foram alguns dos temas debatidos na tarde desta quinta-feira (13), em audiência pública proposta pelo deputado Stephanes Júnior.

Fonte:Alep

quinta-feira, 13 de junho de 2013

Emprego industrial cresce pelo 19.º mês consecutivo

O emprego no setor da indústria do Paraná registrou a terceira maior expansão no País e o 19º aumento consecutivo. A Pesquisa Industrial Mensal de Emprego e Salário (Pimes), divulgada nesta quarta-feira (12) pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), registrou aumento de 0,5% em abril, na comparação com o mesmo mês do ano passado, contra recuo de 0,5% na média brasileira.
A pesquisa avalia dez estados, mais as regiões Nordeste, Norte e Centro-Oeste. O Paraná ficou atrás apenas de Santa Catarina (1,4%) e Norte e Centro Oeste (1,1%). As principais contribuições vieram dos ramos de fumo (12,3%), têxtil (11,1%), química (4,1%), máquinas e equipamentos (3,0%) e alimentos e bebidas (2%).
"O setor fabril do Estado vem apresentando, desde 2011, bons resultados, na contramão dos índices negativos verificados no País, devido à pífia expansão econômica, atrelada à redução das exportações, por conta da crise internacional, além da orientação macroeconômica contra o investimento mantida pelo governo federal", analisou Ana Silvia Martins Franco, técnica do Núcleo de Macroeconomia e Conjuntura, do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes).
Fonte: O diário

Entrevista deputado Quinteiro sobre a Frente parlamentar da Indústria da Alep


A um ano da Copa, investimentos já somam R$ 2 bilhões no Paraná



A Copa do Mundo 2014 começa exatamente daqui a um ano e os preparativos do evento já resultam em investimentos de mais de R$ 2 bilhões no Paraná. São obras nos aeroportos, nas áreas de energia, saneamento, de mobilidade urbana, feitas pela governos federal e estadual, já concluídas ou em andamento, com prazo para conclusão até o evento. 

“A Copa é um evento extraordinário e uma oportunidade para que o mundo nos conheça melhor. Fizemos grande esforço para que Curitiba estivesse entre as cidades-sedes, porque acreditamos que o mundial deixará um grande legado para os paranaenses”, afirma o governador Beto Richa. 

Além dos investimentos em infraestrutura, os preparativos do mundial envolvem inúmeras ações que resultam em ganhos para a sociedade nos chamados bens intangíveis, como a qualificação de pessoas e melhorias nos sistemas de segurança, saúde, turismo. 

OBRAS - O secretário estadual para Assuntos da Copa do Mundo 2014, Mário Celso Cunha, explica que o Paraná está rigorosamente dentro dos prazos fixados pela “matriz da responsabilidade” – acordo que envolve o governo federal, as 12 sedes do mundial e a FIFA. 

Para garantir risco zero de queda de energia durante o evento, a Companhia Paranaense de Energia Elétrica (Copel) investe R$ 486 milhões no Programa de Desenvolvimento de Distribuição Copa do Mundo, que envolve novas subestações, ampliação da rede subterrânea e aérea, conjunto de geradores móveis, reforço de energia em Curitiba e região metropolitana e regiões turísticas do Estado. 

As obras da Infraero nos aeroportos Afonso Pena, em São José dos Pinhais; José Richa, em Londrina, e Cataratas, em Foz do Iguaçu somam investimentos de cerca de R$ 500 milhões. O Governo do Paraná já investiu R$ 21 milhões nos aeroportos regionais e mais R$ 234 milhões serão aplicados nos aeroportos regionais como no apoio à Infraero para melhoria dos aeroportos federais. 

No setor de mobilidade urbana, o Governo do Estado trabalha com três projetos do PAC da Copa, compartilhados com a prefeitura de Curitiba: o corredor Aeroporto Afonso Pena, o corredor Marechal Floriano Peixoto. Além disso, estão sendo aplicados cerca de R$ 100 milhões em projetos para garantir maior fluidez e segurança nas vias de comunicação com o Aeroporto Afonso Pena: corredor Aeroporto-Rodoferroviária (trecho São José dos Pinhais); corredor Marechal Floriano (requalificação da Avenida das Américas, em São José dos Pinhais); Alça da Salgado Filho (em Curitiba); vias radiais de integração na Rua da Pedreira (em Colombo e Curitiba) e via da Integração (em Pinhais e Curitiba). As obras têm financiamento do Governo Federal, com contrapartida do Governo do Estado. 

A Sanepar investe R$ 4,5 milhões em adequação da tubulação de água e esgoto nas vias abrangidas por obras. O Sistema Integrado de Monitoramento Metropolitano é um dos grandes legados da Copa 2014, por irá dar agilidade e segurança nas principais vias de acesso a Curitiba, pois permite o monitoramento em tempo real. 

QUALIFICAÇÃO - Dos 130 mil voluntários já cadastrados pela FIFA, quase 5 mil são do Paraná. Cerca de 30 mil paranaenses já fizeram cursos de inglês e espanhol com vistas à Copa, além de cursos na área de turismo para receber os visitantes. São cursos ofertados em parceria com entidades do Sistema S, Sebrae, Associação Brasileira da Indústria de Hotéis do Paraná, Associação de Bares e Restaurantes, além da Secretaria Nacional de Segurança Pública (para policiais militares e civis, bombeiros e guardas municipais). 

No catálogo oficial da FIFA já estão credenciados os Centros de Treinamento de Curitiba, Maringá, Cascavel e Londrina. O próximo anúncio, que será o último, deve ser divulgado em novembro deste ano. A FIFA deve registrar um total de 75 Centros de Treinamento em todo Brasil. 

Na área de turismo estão sendo realizadas ampliações dos Centros de Atendimento ao Turista, Pontos de Informação Turística, além da divulgação internacional visando atrair para o Paraná jornalistas, empresários, agências e operadores de turismo. 

SEGURANÇA E SAÚDE - O X Games de Foz do Iguaçu serviu de teste para a área da saúde, com a Vigilância Sanitária atuando na fiscalização de bares, restaurantes, lanchonetes e ambulantes. O mesmo será feito em Curitiba. Outro ponto importante é o controle epidemiológico, com administração das vacinas tríplice viral, febre amarela e poliomielite. A estrutura conta também com as novas viaturas do Siate e Samu, além de helicópteros para socorro de emergência, hospitais de alta complexidade e postos médicos fixos e móveis. 

A Secretaria para Assuntos da Copa mantém a Câmara Temática da Segurança, com mais de 60 membros, e a Comissão Estadual de Segurança para Grandes Eventos, do Ministério da Justiça, conta 15 Oficinas Temáticas. Em parceria com o Ministério da Justiça, o governo paranaense está construindo o novo Centro de Comando e Controle Integrado, além de fortalecer a segurança com equipamentos de imageamento aéreo, plataformas móveis de vigilância, veículos antibomba e outros kits especiais. 

“Participamos de centenas de eventos e reuniões do Comitê Organizador Local, FIFA, CBF, ministérios, secretarias, governos, prefeituras, clubes de futebol e entidades privadas”, diz o secretário Mário Celso Cunha. Cerca de 620 pessoas participam das nove Câmaras Temáticas, criadas pela Secretaria para Assuntos da Copa do Mundo 2014. São elas: Segurança e Justiça; Saúde; Meio Ambiente e Sustentabilidade; Educação e Cultura; Esporte e Ação Social; Comercial e Tecnologia; Infraestrutura; Turismo e Transparência. 

Fonte: AEN

terça-feira, 11 de junho de 2013

Lançamento do livro Recomeço.

Com Pr. Marcio Francisco Leme Afonso e Pr. Claudemir, parabenizando o Pr. Marcio pelo lançamento do livro Recomeço.

Quinteiro comemora repasse de recursos a fundo perdido para 240 municípios



O Governo do Estado já liberou recursos a fundo perdido do Plano de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios (PAM) para 240 prefeituras. Nesta terça-feira, em solenidade no Palácio Iguaçu, o governador Beto Richa autoriza transferências para 42 prefeituras. Outros 198 municípios já se credenciaram a receber os recursos desde a semana passada. "Esta economia realizada por todos os deputados da Casa mostra nossa preocupação com o desenvolvimento do interior, o repasse diretamente aos prefeitos dá oportunidade de cada gestor investir exatamente onde o município precisa", falou Quinteiro.


O PAM conta com R$ 150 milhões que Assembleia Legislativa devolveu ao governo estadual em função das medidas de austeridade e economia feita pelos deputados. O recurso será repassado  para cidades com até 50 mil habitantes aplicarem em projetos definidos pela própria população como prioritários. As prefeituras recebem de R$ 300 mil a R$ 550 mil, de acordo o número de habitantes. Até o final de junho, todos os municípios habilitados receberão os recursos.




Até agora, cerca de R$ 90 milhões já foram liberados pelo governo. “O PAM confirma mais uma vez o caráter municipalista da nossa gestão”, disse o governador Beto Richa durante solenidade com prefeitos na noite de segunda-feira (10/06). “Temos trabalhado em parceria muito forte com as prefeituras. Entendemos que é nas cidades que as pessoas moram, e nada mais justo do que apoiarmos quem está na ponta e conhece de perto a realidade dos cidadãos”, afirma ele.



O governador ressalta que a elaboração do PAM partiu da identificação de dificuldades financeiras vivida pelas administrações municipais. “As prefeituras sofrem pela diminuição dos repasses federais, principalmente com a queda do Fundo de Participação dos Municípios. Se o Estado sofre com as medidas adotadas pelo governo federal, imaginem os menores municípios”, diz Richa.


Fonte:AEN